A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

 

FAROL  

-Periódico literário e noticioso-, publicação semanal, surge em Maceió em 05/08/1888, sendo Francisco Caldas e Joaquim Moreno, editores e proprietários. Bibl. Nac. microf ano I nº 1 05/08/1888.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAROL -  

Periódico literário, noticioso, crítico e joco-sério", surge em Maceió em 03/12/1862. Publicado às quartas-feiras e sábados. Proprietário e editor: Boaventura José de Castro e Azevedo. Publicado na Tip. Comercial de A. J. da Costa.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAROL, O  

-Órgão literário, noticioso e humorístico-, surge em Maceió, em 1907. Dirigido por Airton M. Sant-Iago.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAROL, O  

Semanário noticioso, surge em Maceió em outubro de 1900.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAROL, O  

-Órgão do Partido Republicano no Estado-, -onde advoga seus interesses nessa cidade.- Surge em Coruripe, em 1889. Impresso em tipografia própria.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FARTES, Vera Lúcia Bueno  

( BA ?). Escritora, professora. Mestra e Doutora em Educação pela UFBA. Professora da Faculdade de Educação da UFBA. Pós-Doutoramento na Universidade de Londres. Integra o corpo docente do Programa de Pós-Graduação em Educação e do Programa de Doutorado Multidisciplinar e Multi-Institucional em Difusão do Conhecimento. Consultora dos Cadernos do Centro de Recursos Humanos da UFBA e da Revista Práxis Emocional, da Universidade Estadual do Sudoeste da Bahia. Coordenadora da Rede Integrativa de Pesquisa e Intervenção em (In)Formação, Currículo e Trabalho (REDPECT), DA FACED/UFBA. Obra: Formação, Saberes Profissionais e Profissionalização em Múltiplos Contextos: Sentidos, Política, Práticas, Maceió: 2008, coedição EDUFAL, (org.), onde escreveu: Introdução: Os Sentidos da Formação: Contribuições para uma Transformação nos Modos de Pensar os Saberes e a Profissão Docentes e Formação de Professores para a Educação Profissional de Jovens e Adultos: Desafios e Possibilidades de um Novo Campo de Estudos, juntamente com Maria de Cássia Passos Brandão Gonçalves, p. 9-16 e 101-122, respectivamente. Capítulos de livro: Ecopráticas na Educação Profissional e Tecnológica: Sensibilidade Ambiental; Ecoprática: Educação Ambientale Ecopráticasna EPT. Consciência Ambiental, todos juntamente com Adriana Paula Santos e Áurea Rapôso, in Ecopráticas na EPT: Desenvolvimento. Meio Ambiente. Sustentabilidade, Adriana Paula Quixabeira O. Santos; Áurea Rapôso (orgs.), Maceió: EDUFAL, 2011, v. , p. 39-44; 45-4 e 53-57, respectivamente. Artigos em periódicos: Mudanças Curriculares Na Educação Profissional de Nível Técnico: Algumas Questões de Pesquisa a Partir dos CEFETs da Região Nordeste, in Anais do I Seminário Regional de Educação Profissional, Maceió/AL, 2003, v. 1, p. 24-35; Mapeando Efeitos da Sub-Contratação da Força de Trabalho Sobre a Aquisição da Qualificação de Trabalhadores do Setor Químico-Petroqímico, in Educação e Trabalho, Maceió: 2006, v. 1, p. 12-18.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAUSTINO, Débora Letícia  

(?). Escritora. Obra: Artigo em periódico: Improbidade Administrativa e os Agentes Políticos, in Revista do Ministério Público de Alagoas, Maceió: UFAL, CCJUR, 2008, n.20, Janeiro/Junho, p.137 - 179.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAVEIRA  

Rio. Um dos principais afluentes do Rio Moxotó, segundo o convênio SEMA/SUDENE/ Governo do Estado de Alagoas.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAY, Emanuel ... Mata da Fonseca  

(São José da Laje - AL 19/07/1937). Poeta, magistrado, advogado. Filho de Manoel Fonseca e Emília Mata Fonseca. Passou a viver em Maceió em 1951, onde terminou o curso secundário. Bacharel em Direito pela UFAL (1965). Bacharel e licenciado em História, ainda pela UFAL. Adjunto de Promotor de Justiça. Ingressou na Magistratura e foi Juiz de Direito em Major Isidoro, São Brás, Traipu e Arapiraca, onde se aposentou. Secretário-geral do Teatro Universitário de Alagoas; vice-presidente da Associação Teatral das Alagoas, membro fundador do Teatro Estudantil Alagoano. Professor de História do Brasil e Moderna do Colégio Estadual de Alagoas, como também do Colégio Estadual Humberto Mendes, de Palmeira dos Índios. Membro da AML, da Academia Arapiraquense de Letras e Artes, da Associação Teatral das Alagoas e da Academia Alagoana de Letras e Artes de Magistrados. Sócio colaborador da SOBRAMES- AL. Membro da ACALA onde ocupa a cadeira nº 14. Obras: Canto Livre: Poemas, Maceió: Libertas, 1973; Canto Livre, Maceió: UFAL, Imprensa Universitária, 1974 (contos) Ser Feliz é um Dever, Maceió: EDUFAL, 1982, Prêmio Nacional de Poesia do Governo do Estado do Rio de Janeiro (1968) Do Monte Alto a Mensagem Eterna: Crônicas, Arapiraca, Center Graf, 2002; Recordar é Dar de Novo o Coração; Presente na Cor do Passado, Maceió: Imagem, 2008; Trilogia Alagoana, Maceió: Imagem Gráfica, 2011; Trilogia Alagoana - Outros Poemas, Maceió: Imagem Gráfica, 2013, prefácio de Arlene Miranda. Colaboração na imprensa: Diário das Alagoas, Jornal de Alagoas, Jornal de Hoje e revista Mocidade, do Colégio Guido de Fontgalland. Doze Quadras, in Revista da AAC, Maceió, Editora Q Gráfica, Ano 7, Nº 9, 2012, p. 71-73.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

FAÍSCA, A  

-Periódico livre". Surge em Maceió em março de 1886. Semanal, saindo às quartas-feiras. Litografado.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

5 . 6 . 7 . 8 . 9 . 10 . 11 . 12 . 13