A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

 

DEZESSEIS DE SETEMBRO  

Jornal. Surge, em Maceió, em 16/09/1901. (Abelardo Duarte afirma ter surgido em 1º de outubro). Inicialmente publicação mensal, depois quinzenal. Formato pequeno. Redator-chefe: Alexandre Passos. Gerente: Áureo Calheiros de Leite.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DI MENEZES nome artístico de Raimundo Ribeiro De Menezes  

 (Delmiro Gouveia - AL 04/07 ). Desenhista, pintor, cenógrafo, figurinista. Estudou no Colégio Marista, em Maceió, onde recebeu as primeiras aulas de desenho. Em 1960 realiza, na Biblioteca Pública Estadual, em Maceió, sua primeira exposição individual. Morou em São Paulo, tendo se transferido em 1967 para o Rio de Janeiro. Trabalha como cenógrafo e figurinista para a televisão. Em 1980, realiza uma exposição individual na Galeria de Arte Maria Augusta, no Shopping Center Cassino Atlântico (RJ), com apresentação de Walmir Ayala. Em 1982, nova exposição individual, agora no Cesar Park Hotel, em São Paulo. Em 1986, volta a expor em Maceió, na Galeria Espaço, do PRODUBAN- Banco do Estado de Alagoas. Em 1988, outra exposição, agora na Galeria Sucata Decorações, em Maceió. Entre as coletivas das quais participou estão: Salão de Artes Visuais no MEC, Rio de Janeiro (1976) IV Salão Nacional de Artes Plásticas, Caixego-GO (1977) IV Salão Universitário de Artes Plásticas de Florianópolis - SC (1979) Coletiva de Artistas Alagoanos, em Penedo (1980) e Coletiva Moviart - Galeria Maria Augusta, no Rio de Janeiro (1981). Participou, em 2003, da exposição Arte Popular Alagoana 2003, realizada na Galeria SESC/Centro, de 19/08 a 05/09 e, ainda, do IV Salão Alagoano do Livro e da Arte, realizado, de 18 a 26 de outubro no Armazém Dom José, em Jaraguá. É um dos artistas divulgados no livro Arte Contemporânea de Alagoas, publicado em 1993, em Maceió, como também em Arte Alagoas II, publicada quando da exposição em homenagem ao centenário de nascimento de Jorge de Lima, pela Fundação Casa de Rui Barbosa, Rio de Janeiro, em 1993. Obra: Trajetória de um Sertanejo na Aldeia Global, Maceió: Ed do Autor, 2013 prefácio de Douglas Apratto Tenório.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DI PACE, Frederico Tejo  

(Campina Grande - PB ?). Escritor, professor, meteorologista. Graduação em Meteorologia, UFPB (1982). Especialização em Agrometeorologia, UFAL (1984). Mestrado em Engenharia Civil, UFPB (1992). Doutorado em Recursos Naturais, UFCG (2004). Professor na UFAL, desde 1983. Obras: Artigos em Periódicos: Probabilidade Decendial de Precipitação em Algumas Localidades das Mesorregiões do Estado de Alagoas, juntamente com J. F. Oliveira Júnior, A. S. Cavalcanti, A. S. Santos, C. H. E. D´Almeida, in Atmosfera & Água, Maceió: 2001, v. 7, p. 26-29; Valores Instantâneos da Temperatura da Superfície Terrestre na Cidade de Maceió - AL Utilizando Imagens do Satélite TM/Landsat 5, juntamente com T. L. Araújo, in Revista Brasileira de Geografia Física ,201, v. 3, p. 104-111.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIA, O  

Jornal. Matutino publicado, em Maceió, entre 1911 e 1920, por Barreto Cardoso. Nele escreveram Maciel Pinheiro, Mário Wanderlei, Artur Acioli, Américo Melo, Porto Júnior, Jayme de Altavila e Cipriano Jucá.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIABO, O  

Jornal.Publicado em Passo de Camaragibe, às terças, ás quintas e aos sábados, em 23/06/1896. Seu último número é de 01/04/1897. Bissemanal, caracterizava-se por ser exclusivamente crítico, teve 46 edições. Impresso na Tipografia do Camaragibe.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIABO, O  

Jornal. "Crítico, literário e joco-sério", surge em Maceió, em 18/12/1891. "Pequeno e interessante periódico, exclusivamente crítico, muito espirituoso e buliçoso", publicado às quartas, ás sextas-feiras e aos domingos. Proprietário Nereu e redator Orfeu. O último número é o 8, ano II, de 25/04/1897, tendo, pois, 46 edições. Do seu desaparecimento se ocupou, no Orbe, Marênio (pseudônimo de Elias da Rocha Barros) em -Minhas Notas-, uma secção nessa folha, e Puff (Guimarães Passos) na "Croniqueta", de O Filhote, do Rio de Janeiro.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIALÉTICA  

Revista.Surge em Maceió, Ano 1, n. 1, abr./out. 1992. Tem como subtítulo: Revista de Diálogo com a Inteligência, e, ainda, Revista de Poesia, Tradução e Literatura. Editor: Marcos de Farias; Conselho Consultivo: Veríssimo de Melo, Xavier Placer, Marcondes Costa, Fernando Fiúza, Paulo Malta, Adler Sady Rijo Farias Costa, Luciano Maia, Estela Torres, Elício Murta, Norton Sarmento Filho, Majela Colares, José Paulo Paes, Erwin Theodor, Irene Maria Dietschi.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIAS, Amélzia Maria da Soledade  

( AL ??). Obra: O Desenvolvimento Pessoal do Educador Através da Biodança, Maceió: EDUFAL, 2004, prefácio de Zulmira Áurea Cruz, p. 11-12.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIAS, Antônio Machado  

( ? ). Deputado estadual nas legislaturas 1895-96; 1899-1900; 01-02; 03-04; 05-06 e 09-10.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

DIAS, Daniela Maria dos Santos  

( ??). Escritora,Obra: Artigo em periódico: Democracia Deliberativa e Autonomia Municipal, in Revista do Ministério Público de Alagoas, Maceió: UFAL, CCJUR, 2008, n.20, janeiro/junho, p. 49 - 71.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

5 . 6 . 7 . 8 . 9 . 10 . 11 . 12 . 13