A - B - C - D - E - F - G - H - I - J - K - L - M - N - O - P - Q - R - S - T - U - V - W - X - Y - Z

 

CAIXA RURAL DE CAMARAGIBE  

Constituída em 07/01/1923, sob a responsabilidade pessoal, solidária e ilimitada de todos os sócios, em sessão presidida por Aníbal Falcão Lima, prefeito do município. Suas regras eram fundamentadas na necessidade da agricultura, e com fortes princípios cristãos. Sede: cidade de Passo de Camaragibe. Sócios fundadores: Padre Raul Alves da Silva, Aníbal Falcão de Lima, Durval Bello, José Augusto Accioly, Joaquim Gomes de Souza, José Bahiense de Oliveira e outros, em um total de 26. Primeira diretoria: Aníbal Falcão Lima, presidente; Raul Alves da Silva, vice-presidente; Henedino Bello, gerente; José Caralanípio de Mendonça Braga, Secretário. Seus estatutos foram registrados em cartório em 22/01/1926. Publicou-se: Estatuto da Caixa Rural de Camaragibe (Sociedade Cooperaiva de Responsabilidade Ilimitada) Maceió: Imprensa Oficial, 1926.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAIXEIRO, O  

Surge em Pilar, em 12/01/1892, como órgão defensor da classe caixeiral pilarense. Publicado aos domingos, tinha um cunho literário e noticioso. Proprietário: José Casimiro de Farias; administrador: José Máximo. Diversos redatores. Segundo Moacir Medeiros de Sant`Ana, seu administrador era José Marinho e não José Máximo, como registra Joaquim Diegues. Tipografia própria.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAIXEIRO, O  

Periódico noticioso, comercial e literário, fundado em Maceió: em 07/03/1880. Publicado aos domingos. Era redigido por Luiz Belarmino da França Cerqueira. Órgão da classe caixeiral de Alagoas, impresso na Tipografia do Papagaio.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAIXETA, Juliana Eugênia  

 ( Goiânia - GO ). Escritora, professora, psicóloga. Graduação, mestrado e Doutorado em Psicologia pela UNB (2006). Professora da UNB, unidade Planaltina - FUP. Obra: O Professor de EAD: Significados e Contradições, juntamente com Fabrícia Teixeira Borges e Ronaldo Nunes Linhares, in Educação a Distância e as Tecnologias da Inteligência: Novos Percursos de Formação e Aprendizagem, Maceió: EDUFAL, 2011, Ronaldo Nunes Linhares e Simone de Lucena Ferreira (orgs.), p. 83-114.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAIÇARA  

Rio. Afluente, pela margem esquerda, do Rio Ipanema.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAIÇARA  

Serra. Também chamada Maravilha, segundo Ivan Fernandes Lima, do Pediplano Sertanejo.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAJAZEIRA, Regina Célia de Souza  

(Salvador - BA ? ). Escritora, professora, musicista. Mestrado em Música, UFBA (1998). Doutorado, UFBA (2004). Professora na UFAL desde 1989. Membro do corpo editorial do Boletim do Programa de Extensão em Música - UFAL (2006-07). Obra: Tradição e Modernidade: O Perfil das Bandas de Pífano de Marechal Deodoro, Maceió: EDUFAL, 2007.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAJAÍBA  

Serra. Segundo Fernandes Lima, componente do Patamar Cristalino do Nível de 500 metros.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAJUEIRO  

Município. -Localizado na rota dos viajantes que procediam do agreste do sertão em direção à capital, estes escolhiam como ponto de parada um frondoso cajueiro que fica às margens do Paraíba. Em torno deste cajueiro começou a se desenvolver a cidade, no século XIX. Seu processo de municipalização coube ao Governador Euclides Malta e à família Correia Costa. Em 1904, foi criado o município, pela lei n. 472. Oito anos depois, o governador Clodoaldo da Fonseca, por decreto-lei, faz a cidade voltar à condição de distrito de Capela.- Em 1958, as lideranças locais encabeçaram um movimento para a devolução da autonomia administrativa a Cajueiro, obtida em 22 de maio desse ano, pela Lei 2.096. A instalação do município se deu em 01/02/1959, quando se desmembrou de Capela. Está na microrregião da Mata Alagoana e na mesorregião do Leste Alagoano. Base econômica: agricultura, em especial a cana-de-açúcar.Cajueirenses.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

CAJUEIRO, Ignácio de Barros Vieira  

(São Miguel dos Campos - AL - ? 17/11/1858). Deputado provincial e geral, advogado. Bacharel em Ciências Jurídicas e Sociais pela Faculdade de Direito do Recife (1837). Deputado provincial nas legislaturas 1838-39 (na qualidade de suplente) e titular em 40-41, 42-43 e 44-45. Deputado geral na legislatura 1843-44. Ingressou no IHGB em 22/09/1842.


Para alteração no verbete, faça uma solicitação pelo formulário abaixo:

:



:
 

4 . 5 . 6 . 7 . 8 . 9 . 10 . 11 . 12